Viña Santa Rita

santa-rita
santa rita-min

Os vinhos Santa Rita têm base em antigas tradições chilenas de produção, assim como no ambiente natural de cortar a respiração. As vinhas Santa Rita situam-se no vale Maipo – numa área onde o clima pode ser caracterizado por invernos frios, primaveras amenas e verões quentes e soalheiros. Estas condições fazem do Chile um país perfeito para a produção de vinhos.

Mas a história do vinho no Chile começou por volta do ano 1550, pouco depois da sua descoberta e conquista. Assim, o Chile torna-se no primeiro produtor do Novo Mundo. Alguns visionários, entre eles o distinto político Don Domingo Fernández, fundaram a Viña Santa Rita em 1880 e promoveram a introdução das melhores castas francesas. Com a ajuda de especialistas, Don Domingo iniciou a produção de vinhos com técnicas e resultados superiores aos tradicionalmente conseguidos.

O Chile não foi afetado pela filoxera, que devastou vinhas um pouco por toda a Europa. Pelo contrário, foi criado um ambiente ideal para uvas estrangeiras, especialmente para a casta Cabernet Sauvignon. O solo chileno é, provavelmente um dos melhores do mundo para fazer crescer esta casta.

Durante estes anos, os vinhos do Chile tornaram-se bem conhecidos e a Viña Santa Rita estabeleceu-se como uma moderna empresa vitivinícola. Hoje, Santa Rita usa processos de vinificação que combinam estas condições com os princípios de produção mais modernos do mundo. O vinho fermenta sob temperaturas cuidadosamente controladas e é estagiado sob constante observação. Santa Rita é um dos mais importantes e antigos produtores de vinho da América do Sul, sendo comercializados atualmente em mais de 75 países; um símbolo de tradição, grandiosidade e qualidade do vinho chileno.