Castello Banfi

castello-banfi-montalcino
castello banfi-min

Castello Banfi é uma empresa vitivinícola familiar localizada na Toscânia, região das uvas Brunello.

A empresa Banfi foi fundada por John Mariani. Inspirando-se na sua tia Teodolinda Banfi, que liderou os funcionários privados do Papa Pio XI e foi responsável por escolher os vinhos para as suas refeições, John Mariani deu o nome “Banfi” à empresa.

Os 1.821 hectares que a família Banfi encontrou inicialmente ficavam perto de Montalcino e eram elegíveis para ter a denominação Brunello di Montalcino, um dos mais prestigiados vinhos italianos. A família adquiriu também um antigo castelo do século XI. A empresa passou a chamar-se Castello Banfi.

Hoje, Castello Banfi é a coroa da empresa. Tendo sido meticulosamente restaurado para ser um local hospitaleiro, possui um museu, uma enoteca e dois restaurantes (um deles reconhecido com uma estrela Michelin). A propriedade da empresa possui também encostas com vistas para um vale que, há 40 milhões de anos atrás, estava debaixo do mar. Ainda hoje no solo rico em cálcio se denotam conchas, que ajudam a enriquecer as vinhas.

A propriedade Castello Banfi resulta de um conjunto de várias vinhas singulares. As encostas oferecem grandes possibilidades para se fazer uma seleção por castas no local; as uvas Chardonnay e Pinot Grigio, por exemplo, são de maturação lenta e crescem entre os 228 e 420 metros acima do nível do mar, onde as noites são frias. Chardonnay é a casta branca mais largamente plantada, enquanto que a Brunello, uma versão local de Sangiovese com uvas mais pequenas, é a principal casta tinta, com aproximadamente 147 hectares.